Este site usa cookies. Através dela você concorda com a sua utilização, de acordo com as configurações atuais do navegador.
Aceito

Loading...


Pesquisa Menu
A A A Alto contraste: A A

Portal de Promoção de Exportações



PRODUÇÃO DE AÇO NA POLÔNIA CRESCE MAIS DO QUE MEDIA DA UNIÃO EUROPEIA

Wyślij Impressão Pobierz Ele adicionou: | 2015-02-04 12:52:12
aktualności

No ano passado, a dinâmica de crescimento da produção de aço na Polônia foi maior do que a média no mundo e na União Europeia. Houve um aumento na produção de barras e queda na de laminados. Conforme as informações, o uso de produtos cresceu chegando no nível de 2007.

PRODUÇÃO DE AÇO NA POLÔNIA CRESCE MAIS DO QUE MEDIA DA UNIÃO EUROPEIA

 

No ano passado, a dinâmica de crescimento da produção de aço na Polônia foi maior do que a média no mundo e na União Europeia. Houve um aumento na produção de barras e queda na de laminados. Conforme as informações, o uso de produtos cresceu chegando no nível de 2007.

 

Segundo dados do ano passado, a produção de tarugos de ferro foi de 4,64 milhões de toneladas, o que significa um crescimento de 15,5%. Já os tarugos de aço obtiveram um crescimento menor, no nível de 7,4%, totalizando 8,54 milhões de toneladas. Isso é um pouco menos do que foi apresentado pelo Wordsteel. Entretanto, comparando com a média do crescimento da produção global  e da União Europeia, de 1,2% e 1,7% respectivamente, a Polônia obteve um crescimento excelente: a produção de laminados cresceu 2%, atingindo 7,51 milhões de toneladas; as barras atingiram 4,7 milhões de ton. e os produtos planos, 2,8 milhões de ton. Cresceu também a produção de canos de aço, em 2,6%, o que em valores diretos significa 330 mil toneladas.

 

Em 2014, houve melhora na ociosidade, aumentando a força de produção de 63% em 2013 para 67% em 2014. Isso ainda é longe do nível desejado, que deve oscilar em 80% da capacidade. O uso de aço produzido atingiu o nível de 12,1 milhões de toneladas, o que significa um retorno ao nível alcançado pelo país em 2007.

 

Infelizmente, a grande parte de aço no mercado polonês ainda é importado. No ano passado, as empresas polonesas perderam 1% do mercado. A importação cobriu 68% da necessidade do mercado, e produção local, 32%.

 

Źródło: wnp.pl